Na Suzano, a hora e a vez do Big Data & Analytics.

A Suzano Papel e Celulose precisava de uma plataforma capaz de processar grandes volumes de dados, realizar orçamentos, fazer previsões e gerar resultados para os negócios da empresa. Era preciso abandonar as planilhas usadas por mais de 60 profissionais de diversas áreas para adotar uma solução integrada, que aprimorasse a gestão de forma a ganhar velocidade e acurácia nas análises dos dados.

Segunda maior produtora de celulose de eucalipto do mundo, a Suzano comercializa seus produtos em diversos países. Reúne 6 mil profissionais, 11 mil terceirizados e conta com escritórios na China, EUA e Suíça, laboratórios de pesquisa em Israel e China e subsidiárias na Inglaterra e Argentina. As áreas florestais somam 889 mil hectares. O controle de tudo isso era feito basicamente em planilhas.  Obviamente o trabalho tomava um tempo enorme e ainda deixava todo o processo, muito manual, sujeito a erros.

Agora, 60 profissionais trabalham de forma integrada e fácil, com muita agilidade.

Mas esse não é um problema insolúvel. Ao contrário. Criar soluções capazes de gerir dados de forma automatizada é algo que a CTI Global já está acostumada a fazer.  “As empresas são diferentes, com necessidades diferentes, mas a verdade é que os problemas são basicamente os mesmos e temos resolvido muitos deles ao longo dos anos”, diz Francisco Loschiavo, sócio-diretor da CTI Global. “Para nós, que temos uma bagagem enorme de conhecimento tanto em administração e finanças quanto em TI, é fácil resolver”.

Foi assim, com uma solução amigável, que a CTI colocou os tais 60 profissionais de 7 áreas diferentes para trabalhar de forma integrada, usando a mesma plataforma. Agora, é possível compreender os complexos custos da Suzano e fazer simulações de cenários, visualizando os impactos no desempenho dos negócios.

Segundo Gabriel Furtado Moreira, gerente de gestão de desempenho da Suzano, em qualquer momento de uma reunião, é possível avaliar como mudanças no custo da energia, por exemplo, vão afetar os resultados da companhia. Assim, podem-se criar novas estratégias, com a confiança de que a tomada de decisão está baseada em informação correta e precisa.

Visualizar os impactos no desempenho dos negócios, passou a ser uma realidade na Suzano.

“A análise de custeio da Suzano é uma das mais complexas em seu setor de atividade devido às características da nossa operação, mas a plataforma Big Data & Analytics da IBM foi perfeitamente capaz de atender às nossas demandas de análise envolvendo grandes volumes de dados”, diz Moreira.
Soluções desenvolvidas: Planejamento financeiro

Plataforma utilizada: IBM Cognos TM1; IBM Cognos BI.

SHARE

Leave a reply